14 de fevereiro de 2011

11 12 13 fátima, saudades


«foi lindo, foi mágico.»

como referi num post anterior, este fim-de-semana fui a fátima! aquilo foi lindo, foi perfeito, juro. assim que cheguei a casa fiquei a deprimir o resto do dia com saudades daquele ambiente, daquelas pessoas, daquele barulho, daquela confusão, dos gritos no meio da noite, da fila da casa-de-banho, dos  stôres a gritarem, do grupo dos "bons", do cheiro a velas, do montão de malas espalhadas pelo chão, do som das violas, das músicas que cantávamos, das alternativas que arranjava-mos para resolver os problemas inesperados, saudades de gozar com as gajas que foram para lá de saltos, que saudades de gritar bem alto que sou de pontével, de usar o casaco largo e pensarem que sou o que não sou. que saudades de dormir no chão, de tomar banho á pressa, de comer o lanchinho trazido de casa, de levantar ás sete da manhã e jantar ás sete da tarde, arrumar os colchões em monte e até de ouvir o padre a falar. saudades de me levantar para ver o pessoal a dormir, de mandar a maria sair de cima de mim, de reclamar durante a noite com o pessoal sem dar por nada, de ouvir em couro os gajos todos a ressonar, de andar rápido para chegar primeiro que os outros grupos e tomar banho com água bem quente, saudades de não querer olhar para o espelho com medo da imagem que reflectia, de pentear o cabelo sem espelho e lavar os dentes com mil e uma pessoas a olhar, de dormir no saco de cama, de andar á chuva, que saudades do grupo 7 e de todos os outros grupos. mil e uma saudades de acordar e mandar-me para cima da carolina e da karina, saudades de dizerem que eu e a káá pareciamos irmã, de morrer de frio, de procurar calor humano para me aquecer, de usar capuz na procissão das velas, de estar com medo que me queimassem o cabelo com as velas, de apanhar alta seca a ouvir o padre a repetir o que dizia em muitas línguas. saudades de olhar para o lado e ver sempre alguém, saudades das pessoas novas que conheci, saudades de tirar fotos de grupo, e de brincar com os stôres. saudades de pedir comida a toda a gente porque a minha comida esgotou, dos pastéis da filipa e do leite mimosa, saudades de dormir ao pé das tomadas por causa do telemóvel, de falar com o joão por mensagens, de ligar ao joão desesperada e das mudanças de humor constantes. saudades do cabelo encaracolado e das olheiras negras que tinha na cara. saudades da carrinha azul e da boleia que nos davam, saudades do caminho para a crif e das lojinhas a que fomos. saudades de gritar bem alto a minha opinião sobre quem pensava e de mandar bocas a toda a gente, vê-se mesmo que é pontével. quero-me poder sentar ao fundo do pavilhão a comentar os gajos, a desesperar com a dré de não termos ido jogar ao verdade e consequência com o outro grupo, quero rir até mais não com as quedas dos outros e comas coisas estúpidas de alguns cromos, ahah. quero poder dizer á  karina "agora vou ficar aqui a comer chocolates e a ouvir músicas tristes", quero ouvir para todo o sempre as músicas associadas a esta viagem e gurrda-las para sempre. enfim, vou ficar o resto da semana a deprimir com esta viagem. a pensar no que podia ter feito para melhorar. o que não devia ter feito. a quem podia ter conhecido e não conheci. não há maneira de explicar o quanto esta visita significou para mim! obrigado a todos os que fizeram com que esta visita fosse concretizada e aos que insistiram com a minha presença nela.
QUERO FÁTIMA OUTRA VEZ, E PRONTO.

10 comentários:

karina disse...

oh amor, amo e pronto, fátima para sempre! Deus que saudades de adormecer aos berros e acordar aos berros ! Foi incrivel e nunca vou esquecer. "tu e a tua irmã tiram uma foto cmg" :D

Only disse...

Que lindo, há momentos que marcam (:

Mónica'Monteiro disse...

Está lindo e cheio de sentimento. Nota-se que adoraste essa viagem :)
beijinhos ^^

angélica disse...

isso é uma coisa com a qual teremos de aprender a conviver, até ao final dos nossos dias. (: *

angélica disse...

FORÇA *

patrícia amado disse...

gostei imenso! também já passei fins-de-semanas desse género e repetia milhões e milhões de vezes *.*

Sara Pereira disse...

não tens de agradecer :)
E como são bons estes momentos !

● af disse...

está tão lindo amor !
gosto imenso !
demonstra tudo o que aquela viagem foi !

mariana silva. disse...

deve ter sido lindo ! adorei o texto ! *.*

joana m. disse...

ó god, este texto está lindo :o